Construção de um Discurso sobre Práticas Informatizadas em Ciências Sociais e Humanas em Portugal (1993-2003)

Coordenador: Graça Rocha Simões

Duração: 2003-2005

Referência: POCTI/COM/48531/2002

 

Resumo:
Em 1993-1994, o autor deste projecto teve a oportunidade de, no âmbito da elaboração do seu trabalho de doutoramento Interacção Homem-Computador: Prática Informatizadas de Investigadores em Ciências Sociais e Humanas» interrogar um tipo específico de utilizadores: investigadores em Ciências Sociais e Humanas. A questão central então interrogada mantém-se: como interfere a mediação do computador na produção de conhecimento; uma averiguação sobre a interacção utilizador-computador só pode ser compreendida no quadro de práticas efectivas de utilização, no quadro de contetos informacionais concretos.

 

Este projecto propõe-se voltar a questionar o mesmo conjunto de investigadores, tendo por objectivo reconstituir o seu discurso sobre as respectivas práticas e apropriações informatizadas «dez anos depois». Ter-se-á presente a profunda alteração sofrida neste período em Portugal, seja no que respeita a indicadores de evolução da sociedade de Informação, seja nas condições efectivas de exercício da actividade de investigação em ciências sociais e humanas. Estes dados serão enquadrados no panorama de evolução nesta matéria nos países da UE.

 

Objectivos:

  • Elaborar um estudo diacrónico e contextual sobre os discursos, atitudes, auto-avaliação e representações sociais das práticas informatizadas dos investigadores em ciências sociais e humanas em Portugal, durante o período 1993-2003;
  • Descrever e analisar a dinâmica específica da evolução dos recursos na actividade de investigação em ciências sociais em Portugal, através da compilação e análise dos dados estatísticos disponíveis, em correlação com os indicadores genéricos sobre Portugal e a Sociedade de Informação, como forma de enquadramento do objectivo principal.